No meu podcast sobre fotografia no qual falei sobre O Violino de Ingres compartilhei um pouco da minha história com o violino. Comecei a aprender quando criança, porém tive de desistir graças às metodologias traumatizantes do professor, que mais davam medo do que ensinavam.

Eu me apresentando

Ao longo dos anos, enquanto crescia, fui sentindo falta do instrumento. Eu via filmes e séries em que personagens eram violinistas e sentia uma vontade enorme de voltar a tocar. Passei um bom tempo adiando esse desejo, pois tinha medo de desistir.

Em dado momento, no ano de 2019, não consegui mais evitar e tomei a decisão de que voltaria a tocar. Nisso fui entrando em contato com escolas presenciais e logo percebi que não teria condições financeiras de pagar mensalmente em torno de R$ 250,00. Minha segunda alternativa, portanto, foi buscar conhecimento no YouTube e tentar daí. Como meu objetivo nunca foi me tornar um profissional e participar de apresentações, pensei que essa seria uma forma válida para ter um contato inicial. Por mais que fosse gratuito e acessível, notei que aprender um instrumento requer disciplina e uma metodologia pensada. Minha nova alternativa, portanto, foi buscar cursos online.

Pesquisando pela internet finalmente encontrei o SPALLA – CURSO ONLINE DE VIOLINO e vi que seria a opção perfeita para mim. O valor era muito em conta e eu teria infinitos conteúdos organizados por um professor de violino, que prometia a experiência presencial em uma sala de aula virtual.

É claro que cursos online requerem muita determinação do estudante, pois você precisa se dedicar e não existe alguém para te dizer o que você está fazendo de certo ou errado, porém o professor Danilo traz um estilo tão didático de ensinar que ele sempre te lembra de verificar os vícios. Além de, claro, você poder perguntar e gravar vídeos para que ele avalie a sua evolução.

Enquanto escrevo este texto estou quase completando 9 meses de curso. Não estou perto de terminar, pois os módulos são completos e eu procuro ensaiar cada aula o mais perfeitamente possível antes de seguir adiante. Eu treino 1h todos os dias. Para você ter uma ideia, levei 6 meses para avançar aos módulos de leitura de partituras, porque queria ter a base de como segurar o arco e a postura bem estabelecidas.

Agora, já na metade do módulo chamado “Notação Musical 1” no qual aprendemos a ler partituras e os exercícios vão ficando cada vez mais complexos, percebo quanto a metodologia é didática. Eu diria que a leitura das notas parece como mágica. Nenhum outro curso de música me ensinou a ler sem quase precisar pensar. Em todos os outros que fiz era preciso decorar as notas e escrever no papel antes de tocar. Aqui, você decora enquanto toca. É surpreendente aprender tudo isso pela internet.

O que me deixa mais feliz é saber que posso continuar estudando até mesmo durante a pandemia. Se eu tivesse escolhido um curso presencial estaria sem as minhas aulas e talvez o sonho de aprender fosse por água abaixo.

Enfim, como o violino é tão importante para mim quanto a fotografia e essas duas artes fazem parte da minha vida desde a raiz do meu ser, quis compartilhar um pouco dessa experiência. Você que acompanha o meu blog já percebeu o quanto eu falo sobre o instrumento e isso vai continuar por muito tempo. Portanto, se você caiu neste post procurando saber se vale a pena fazer curso online de violino, saiba que vale MUITO!

MATRICULE-SE NO CURSO ONLINE DE VIOLINO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s